Turismo

Percursos pedestres

PR15 Viagem à Pré-História

Características do percurso:
O PR 15 "Viagem á Pré-História" é um percurso pedestre de pequena rota com cerca de 13km.

Distância a percorrer:
13 Km, em circuito.

Nível de dificuldade:
Médio requerendo alguma prática.

Desníveis:
Pouco significativos, decorrendo este percurso por uma zona de planalto.

Tipo de caminho:
Caminhos tradicional, algumas calçadas antigas e alguns estradões.

Descrição do percurso:
O percurso inicia-se na aldeia do Merujal. Dirija-se para nascente; pela estrada asfaltada até ao Parque de Campismo. Vire à esquerda e pouco depois irá encontrar do lado direito a casa florestal. Entre no pinhal até encontrar um pequeno riacho que terá de atravessar siga sempre em frente até atingir uma zona mais elevada de onde se avista a aldeia da Mizarela. O percurso continua pelo trilho da direita junto ao muro, até atingir a estrada onde irá virar novamente à direita.

Poucos metros à frente encontrará o miradouro para a Frecha da Mizarela. Contemple pois, as águas a despenharem-se desde 70 metros, antes de se fazer ao caminho que nos leva ao interior de Mizarela.
Este trilho termina noutro bem definido e rodeado de muros, ande vamos virar à direita somos de seguida levados por entre pequenos bosques em óptimo estado de regeneração, onde se podem ver carvalhos e azevinho. Tendo chegado a Albergaria da Serra, pare perto do coreto, pois trata-se de um local óptimo de observação de passeriformes.

É tempo de tomar a subida que passa pela igreja e pelo cemitério contíguo. Aqui na parede frontal, note a inscrição onde se menciona a albergaria que acolhia os viajantes. O percurso segue pelo lado direita da bifurcação localizado poucos metros mais à frente, para uma trilha pavimentada com antigas lages de granito e ladeado por muros de pedra. O trilho termina numa estrada larga, perto de uma ponte, na qual vamos virar à direita, O caminho para o monumento megalítico que deu o nome à Portela da Anta está bem sinalizado. Há que desviar à esquerda no caminho que seguimos. É um local de visita obrigatório. Deparamo-nos enfim com o monumento, neste caso uma mamoa.

Pouco depois da passagem pela Portela da Anta encontramos um desvio à esquerda por onde enveredamos. Um pouco adiante este caminho apresenta-se empedrado com lages de granito durante uma extensão considerável. Prossiga até junto de um pinhal, antes do qual encontra um cruzamento em que vira à esquerda para um trilho menos definido, ladeado, de novo à esquerda, por uma fiada de vidoeiros. Depois do pinhal que acompanha o vale, existem uns núcleos de Vidoeiro e Choupo, cujo a abundante sombra convida a uma pausa e eventual refeição.

A descida ao vale leva-o a reencontrar a vegetação agreste do planalto.
Tomamos o caminho sempre em frente, até terminar numa estrada larga. Durante este troço vamos encontrar dois desvios, optando sempre pelo lado esquerdo. Ao chegar à estrada de alcatrão viramos à esquerda. Pouco depois eis-nos de novo em Albergaria.

Para regressar à povoação de Mizarela, dirija-se à ponte e faça o caminho rodeado de muros que atravessa a zona de campos agrícolas que o trouxe até Albergaria no início deste percurso. Já de volto à aldeia da Mizarela, percorra a estrada no sentido inverso ao do inicio do percurso. Ao encontrar o desvio de onde veio anteriormente, ignore-o e continue até encontrar pouco depois e também do lado direito outro caminho por onde irá continuar.

Este trilho termina na estrada de alcatrão onde irá virar à direita. Alguns metros depois encontra à esquerda um acesso à aldeia do Merujal. Irá percorrer uma zona elevada e descer a escadaria que o conduzirá à aldeia e ao local de inicio do percurso.

INFORMAÇÕES ÚTEIS:

Festas e Romarias:

Albegaria da Serra:

  • Nossa Senhora da Assunção - 15 de Agosto

  • Nossa Senhora da Ascenção - Maio

Catanheira:

  • St.º António - 13 de Junho

Merujal:

  • Festa das Cruzes - 3 de Maio

  • Nossa Senhora da Lage - 15 de Agosto

© 2024 Todos os direitos reservados

Desenvolvido por [+|-] Enérgica